• Vigiai e Orai

Exame de consciência para uma boa confissão

Exame de consciência para uma boa confissão


Este exame é para aqueles que, amando a Cristo, não se conformam evitando pecados graves, mas sim desejam amá-lo com todo o coração.


* Condições necessárias para um pecado ser mortal

1. Matéria grave (Pecado mortal)

2. Reflexão suficiente (Consciência de que é pecado mortal)

3. Pleno consentimento da vontade (Mesmo sabendo não luta conta a vontade de pecar)



Amará a Deus sobre todas as coisas (Primeiro mandamento) / Não tomará o nome de Deus em vão (Segundo Mandamento)

- Amei a Deus acima de tudo?

- A quem (ou o que) dei a maior atenção?

- Fiz da minha família, trabalho, apostolados, programas, ideias ou outras coisas boas meu primeiro amor?

- Sei na prática o que é confiar no amor e o poder de Deus?

- Confio tudo a Deus ou quero fazer tudo sozinho?

- Confio em Deus quando tudo parece ir mal?

- Caí na superstição ou outra prática religiosa alheia ao cristianismo?

- Descuidei o conhecimento da minha fé, tal como o Catecismo a ensina, tal

como o Credo dos Apóstolos, os Dez Mandamentos, os Sete Sacramentos,

o Pai-Nosso, etc.?

- Alguma vez duvidei deliberadamente de algum ensinamento da Igreja, ou o

neguei?

- Tomei parte num ato de culto não-católico?

- Sou membro de alguma organização religiosa não-católica, de alguma

sociedade secreta ou de um grupo anti-católico?

- Alguma vez li, com consciência do que fazia, alguma literatura herética,

blasfema ou anti-católica?

- Pratiquei alguma superstição ou idolatria (tais como horóscopos,

Astrologia, adivinhação, tábua Ouija, Espiritismo, Magia branca, Magia

negra, Candomblé, Umbanda, Macumba, Maçonaria, Cartomante,

Benzedeiras, Adivinhos, Vodoo, Yoga, Reiki,... etc.)

- Omiti algum dever ou prática religiosa por respeito humanos ou vergonha?

- Recomendo-me a Deus diariamente?

- Abusei dos Sacramentos de alguma maneira? Recebi-os com irreverência,

como, por exemplo, a Comunhão na Mão sem obedecer aos princípios e às

sete regras promulgadas por Papa Paulo VI. como sendo obrigatórias neste

caso?

- Trocei de Deus, de Nossa Senhora, dos Santos, da Igreja, dos

Sacramentos, ou de quaisquer coisas santas?

- Fui culpado de grande irreverência na igreja, como, por exemplo, em

conversas, comportamento ou modo como estava vestido?

- Fui indiferente quanto à minha Fé Católica – acreditando que uma pessoa

pode salvar-se em qualquer religião, ou que todas as religiões são iguais?

- Presumi em qualquer altura que tinha garantida a misericórdia de Deus?

- Desesperei da misericórdia de Deus?

- Detestei a Deus?

- Dei demasiada importância a alguma criatura, atividade, objeto ou opinião?

- Duvidei da existência de Deus?

- Reneguei ou abandonei a Deus, deixei de rezar?

- Tratei Deus como um objeto e não como Senhor e Pai?

- Desconfiei de Deus, culpei-O nos momentos de sofrimento ou na doença?

- Não acreditei na Sua Misericórdia, no Seu Amor, Sua providência?

- Revoltei-me contra Deus?

- Zombei de Deus, da Igreja (padres, bispos, papa, Nossa Senhora, Santos)

- Fui negligente, incrédulo, indiferente à ação de Deus?

- Fui ingrato, tíbio?

- Fiz consagrações, passes, controle mental, terapias orientais?

- Adorei ou invoquei a satanás, a espíritos maus e dos mortos?

- Acreditei em reencarnação?

- Coloquei as coisas (riquezas, prazeres, poder,...) ou pessoas acima de

Deus?

- Profanei os Sacramentos ou as ações litúrgicas?

- Pratiquei simonia (compra e venda de realidades espirituais)?

- Jurei pelo nome de Deus falsamente, impensadamente, ou em assuntos

triviais e sem importância?

- Murmurei ou queixei-me contra Deus (blasfêmia)?

- Amaldiçoei-me a mim próprio, ou a outra pessoa ou criatura?

- Provoquei alguém à ira, para o fazer praguejar ou blasfemar a Deus?

- Quebrei uma promessa feita a Deus?

- Pronunciei o Nome de Deus em vão (por brincadeira ou em brigas)?

- Fiz promessas usando o Nome de Deus?

- Blasfemei, roguei pragas, lancei maldições?

- Usei o Nome de Deus como mágica?


Oração Diária

- Como está diariamente minha vida de oração? Tempo pessoal com Deus; liturgia das horas; oração familiar?

- Tenho rezado fielmente as minhas orações diárias?

- Louvei a Deus; dei-lhe graças ou me queixei?

- Intercedo por minha família, grupo, Igreja, pelo mundo?

- Orei com o coração, aberto ao Espírito Santo?

- Tomo tempo para discernir?

- Sei o que é esperar no Senhor, escutá-lo? Tenho feito isso?

- Quando me dá algum ensinamento eu o guardo em meu coração e procuro aprofundá-lo?

- Incluo meu esposo/a (ou outra pessoa formada e prudente) em meu discernimento ou só lhes informo de minhas decisões?

- Que critérios tenho para determinar se algo que quero fazer é do Espírito Santo ou é meu? Parece-me importante ter e seguir sempre esses critérios?

- Uso os dons que Deus me deu para sua glória?

- Estou aberto a receber novos dons segundo Deus disponha?

- Fui legalista (fazendo sozinho o necessário para cumprir) ou vivo minha fé no Espírito

me entregando com todo o coração?


Obediência

- Procuro conhecer na oração a vontade de Deus para minha vida?

- Obedeço o ensino do magistério ou interpreto à minha maneira?

- O que motiva minha vida, a vontade de Deus ou meus próprios "bons" planos (minha vontade)?

- Permito que Deus me guie ou lhe "entrego" os planos já feitos para que os abençoe?

- Meus gostos, critérios, medos, dúvidas, confusões, pensamentos, atitudes e valores em que instâncias não estiveram sob o Senhor?

- Escuto, obedeço e respeito aos que têm legítima autoridade sobre mim (leis justas, chefes, etc.)?


Estudo

- Estudo minha fé católica (Bíblia, magistério, livros sólidos) ou me contento com meu próprio modo de entender a Deus?

- Estou avançando em minha formação como devo?

- Que passos práticos dou para me formar na fé?


Ordem e Prioridades

- Meu tempo responde às prioridades de Deus ou às pressões de qualquer pessoa ou ocasião para "ficar bem"?

- Interpreto o que faço na perspectiva da vida eterna?

- Reflito sobre minha morte; sobre o julgamento final?

- Tenho prioridades claras e sou firme para vivê-las? Perco o tempo (revistas, programas, etc.) que não edificam?

- Tenho um horário e organizo o dia com disciplina, dando tempo a cada área com sabedoria: oração, família, trabalho...?

- Em que me desordenei? Fico em algo que eu gosto sabendo que é hora de fazer outra coisa?

- Respeito o tempo e necessidades dos outros: quando procuro ajuda, ao telefone, etc..?

- Cuido da saúde; tenho algum vício, falta de exercício, descanso, alimentação... Cuido-me muito?


Santificará o dia do Senhor (Terceiro Mandamento)

- Guardo o dia do Senhor para o Senhor ou trabalho desnecessariamente nesse dia?

- Vou à missa todos os domingos?

- Adorei e pus todo meu coração em Cristo Eucarístico que me espera no sacrário?

- Eu o amei e consolei pelo tanto que é ofendido?

- Vou à missa diária se puder?

- Recebi com preparação o Senhor?

- Faltei à Missa nos Domingos ou Dias Santos de guarda, por preguiça ou

indiferença?

- Cheguei atrasado à Missa nos Domingos e Dias Santos da guarda, ou saí

mais cedo por minha culpa?

- Fiz com que outras pessoas faltassem à Missa nos Domingos e Dias

Santos da guarda, ou saíssem mais cedo, ou chegassem atrasadas à

Missa?

- Estive distraído propositadamente durante da Missa?

- Fiz ou mandei fazer trabalho servil desnecessário num Domingo ou Dias

Santos da guarda?

- Comprei ou vendi coisas sem necessidade nos Domingos e Dias Santos de

guarda?

- Obriguei outros a trabalharem sem justa causa em dia Santos ou

Domingo?

- Trabalhei nesses dias por ambição ou interesses pessoais?

- Comunguei em pecado mortal?

- Cheguei na Missa atrasado só para comungar?

- Conversei ou me distraí durante da Missa?


A Cruz

- Meditei diante da cruz? Procuro seu poder transformador e sua sabedoria? Como se manifesta em minha vida?

- Peço a Deus a graça de amar a cruz?

- Saí da vontade de Deus para evitar a cruz?

- Uno minha cruz à de Cristo? Meus problemas, doenças, responsabilidades, pessoas, minha idade, minha vocação…?

- Procuro a satisfação de todas minhas necessidades físicas e emocionais ou sei me mortificar por amor a Jesus?

- Me uno à cruz de quem sofre?

- Sacrifico-me para amar?


Confissão

- Rejeito o pecado embora este seja aceitável segundo a cultura?

- Pensei ou atuei levianamente como se a retidão dos Santos é "exagero"?

- Evitei a ocasião de pecado: ambientes, programas, más amizades...?

- Procuro que Deus me mostre meu pecado (também pecados velhos e esquecidos)?

- Reconheço e reparo com responsabilidade meus pecados e faltas ou me justifico?

- Quando me corrigem, fico agradecido?

- Quando foi minha última confissão?, Minimizei o pecado por pena?; houve mudanças?

- Fiz uma confissão completa ou escondi algo?

- Há algo (hábito, ferida, complexo) que o inimigo usa para seu proveito?

- O que faço para permitir que Deus me liberte?

- Alguma vez fui irreverente para com este Sacramento, não examinando a

minha consciência com o devido cuidado?

- Alguma vez deixei de cumprir a penitência que o sacerdote me impôs?


* Esconder deliberadamente um pecado mortal invalida a confissão, e é

igualmente pecado mortal. Lembre-se que a confissão é privada e sujeita ao

Sigilo Sacramental, o que quer dizer que é pecado mortal um sacerdote revelar

a quem quer que seja a matéria de uma confissão, e, se qualquer sacerdote

fizer isto, este delito é punido pela Igreja com a excomunhão daquele

sacerdote.


Maria

- Consagrei a Ela e, se o tiver feito, vivo minha consagração plenamente? Como?

- Aceito seu cuidado maternal? Deixo-me formar por ela? Como?

- Recorro a ela em oração, medito sua vida?


Relacionamento com outros

- Estão todas minhas relações à luz do Senhor: amorosas, castas, sãs e sinceras?

- Guardo ódios ou inimizades?

- Brigas, rivalidades, violências, ambições, discórdias, sectarismo, dissensões, invejas, embriaguezes?

- Fui fiel aos compromissos com meus irmãos e com outros? Estou crescendo nestes compromissos?

- Sou confiável no lar, grupo, trabalho...?

- Cumpro minhas promessas, compromissos, guardo confidencialidade?

- Procuro a unidade no Senhor? (Fl. 2, 1-11, 1 Cor. 10,17)

- Sou serviçal?

- Sou atento sem ser curioso?

- Sou prudente no que falo e como atuo?

- Sou agradecido pelo serviço de rotina que recebo?

- Devo me reconciliar com alguém e não o tenho feito?


Honrará a teu pai e tua mãe (Quarto mandamento)

- Desobedeci aos meus pais ou superiores, faltei-lhes ao respeito, descuidei-

me em ajuda-os nas suas necessidades ou na compilação do seu

testamento, ou recusei-me a fazê-lo?

- Desonrei meus pais, entristecendo-os, desejando-lhes mal?

- Mostrei irreverência em relação a pessoas em posições de autoridade?

- Insultei ou disse mal de sacerdotes ou de outras pessoas consagradas a

Deus?

- Zombei de pessoas pobres, idosos, deficientes?

Neguei ou desprezei a meus pais, aos velhos e aos doentes?

- Tive menos reverência para com pessoas de idade?

- Fui impaciente, bruto, estúpido, causei escândalo a meus pais (ou filhos)?

- Tratei mal a minha esposa ou os meus filhos?

- Fui desobediente ao meu marido, ou faltei-lhe ao respeito?


No Lar

- Obedeço, cuido e honro meus pais segundo minha idade e suas necessidades?

- Fico de cara feia?

- Dou tempo à família?; Jantar juntos?; Diversões?

- Hospitalidade?

- Relação com irmãos?

- Responsabilidade nos estudos?

- Ajuda econômica no lar segundo a necessidade?


Casados (além do mencionado)

- Protejo minha casa e os meus das más influências do ambiente? Como?

- Manipulei com meus estados de ânimo e aborrecimentos para que se faça o que quero?

- Permito que outros (pais, amigos) manipulem ou se anteponham ao matrimônio?

- Honro e respeito a meu esposo/a em todo momento?

- Compartilhei com meu esposo/a a visão para a família? O escuto com interesse?

- Expresso amor, carinho e respeito a meu esposo/a?

- E a meus filhos?

- Detecto os problemas e os enfrento com sabedoria?

- Que medidas tomo para que minha casa seja um lar?

- Sou responsável e ordenado com a economia? Ajudo-lhes para que possam orar, estudar, descansar, ir a seu grupo, cumprir suas responsabilidades?

- Formação dos filhos: compartilho com eles, ensino e guio?, escuto? Ensino e dou disciplina com sabedoria?; dou-lhes boa educação para que sejam bons cristãos?


Sobre os meus filhos

- Descuidei as suas necessidades materiais?

- Não tratei de os fazer batizar cedo? *

- Descuidei a sua educação religiosa correta?

- Permiti que eles descuidassem os seus deveres religiosas?

- Consenti que se encontrassem ou namorassem sem haver hipótese de

se celebrar o matrimônio num futuro próximo? (Santo Afonso propõe um

ano, no Máximo).

- Deixei de vigiar as companhias com quem andam?

- Deixei de os disciplinar quando necessário?

- Dei-lhes mau exemplo?

- Escandalizei-os, discutindo com o meu cônjuge em frente deles?

- Escandalizei-os, ao dizer imprecações e obscenidades à sua frente?

- Guardei modéstia na minha casa?

- Permiti-lhes que usassem roupa imodesta (minissaias, calças justas,

vestidos ou camisetas justas, blusas transparentes, calções muito

curtos, roupas de banho reveladores, etc.)?

- Neguei-lhes a liberdade de casar ou seguir uma vocação religiosa?


* Uma criança deve ser batizada cerca de uma semana ou dez dias após o

nascimento.


Não matarás (Quinto Mandamento)

- De algum modo matei ou atentei contra a vida? (ex.: apoio ou participação em aborto, suicídio, dirigir sem cuidado, atos irresponsáveis que põem uma vida em perigo, agressão, violência, etc.?

- Atentei contra a dignidade de alguém?

- Expus a minha vida ao perigo?

- Atentei contra a vida do próximo e contra a minha?

- Procurei, desejei ou apressei a morte ou o ferimento de alguém?

- Alimentei ódio para com alguém?

- Oprimi alguém?

- Desejei vingar-me?

- Provoquei a inimizade entre outras pessoas?

- Discuti ou lutei com alguém?

- Desejei mal a alguém?

- Quis ferir ou maltratar alguém, ou tentei fazê-lo?

- Recuso-me a falar com alguém, ou tenho ressentimento de alguém?

- Regozijei-me com a desgraça alheia?

- Tive ciúmes ou inveja de alguém?

- Fiz ou tentei fazer um aborto, ou aconselhei alguém a que o fizesse?

- Estou usando o DIU (dispositivo intrauterino) ou pílulas do dia seguinte?

(praticar sexo com o DIU ou usar pílulas do dia seguinte É ABORTO !!!

se a mulher engravidou)

- Mutilei o meu corpo desnecessariamente de alguma maneira?

- Consenti em pensamentos de suicídio, desejei suicidar-me ou tentar

suicidar-me?

- Embriaguei-me ou usei drogas ilícitas?

- Comi demais, ou não como o suficiente por descuido?

- Deixei de corrigir alguém dentro das normas da caridade?

- Causei dano à alma de alguém, especialmente crianças, dando escândalo

através de mau exemplo?

- Fiz mal à minha alma, expondo-a intencionalmente e sem necessidade a

tentações, como maus programas de TV, música reprovável, praias, etc.?

- Dirigi embriagado ou abusei no volante?

- Coloquei a minha saúde em perigo (com alimentação, bebidas, drogas ou

remédios)?

- Fumo?

- Injuriei os outros?

- Desejei a morte minha ou do próximo?

- Tive raiva ou ódio do meu semelhante?

- Conservei inimizades?

- Pus em perigo a minha vida espiritual (ou a dos outros) com palavras,

omissões, atitudes exageradas?

- Espanquei, feri ou matei alguém?

- Mandei ou aconselhei a morte?


Não cometerás atos impuros (não adultério, não fornicação) (Sexto Mandamento) / Não consentirás pensamentos nem desejos impuros (Nono Mandamento)

- Procurei afetividade fora da ordem do Senhor?

- Como distingo entre sentimentalismo e uma autêntica relação de amor entre irmãos? Me relaciono segundo meu estado de ânimo ou o que edifica no amor?

- Fantasias ou atos impuros, comigo mesmo ou com outros?

- Piadas, programas, atitude sedutora, indecência em vestir?

- Obedeço o plano de Deus para a sexualidade em meu estado de vida?

- Cobicei a mulher ou o marido de meu próximo?

- Olhei a um homem ou uma mulher de maneira impura?

- Neguei ao meu cônjuge os seus direitos matrimoniais?

- Pratiquei o controle de natalidade (com pílulas, dispositivos, interrupção)?

- Abusei dos meus direitos matrimoniais de algum outro modo?

- Cometi adultério ou fornicação (sexo antes do casamento)?

- Cometi algum pecado impuro contra a natureza (homossexualidade ou

lesbianismo, etc.)

- Toquei ou abracei outra pessoa de forma impura?

- Troquei beijos prolongados ou apaixonados?

- Pratiquei a troca prolongada de carícias?

- Pequei impuramente contra mim próprio (masturbação)?

- Consenti em pensamentos impuros, ou tive prazer neles?

- Consenti em desejos impuros para com alguém, ou desejei

conscientemente ver ou fazer alguma coisa impura?

- Entreguei-me conscientemente a prazeres sexuais, completos ou

incompletos?

- Fui ocasião de pecado para os outros, por usar roupa justa, transparente,

curta ou de algum modo imodesta?

- Fiz alguma coisa, deliberadamente ou por descuido, que pudesse

provocar pensamentos ou desejos impuros noutra pessoa?

- Li livros indecentes ou vi figuras obscenas?

- Vi filmes ou programas de televisão sugestivos, ou pornografia, na Internet,

ou permiti que os meus filhos os vissem?

- Usei linguagem indecente ou contei histórias indecentes?

- Ouvi tais histórias de boa vontade?

- Gabei-me dos meus pecados, ou deleitei-me em recordar pecados

antigos?

- Estive com companhias indecentes?

- Consenti em olhares impuros?

- Deixei de controlar a minha imaginação?

- Rezei imediatamente, para afastar maus pensamentos e tentações?

- Evitei a preguiça, a gula, a ociosidade e as ocasiões de impureza?

- Fui a bailes imodestos ou peças de teatro indecentes?

- Fiquei sozinho, sem necessidade, na companhia de alguém do sexo

oposto?

- Despi-me com malícia diante dos outros?

- Pratiquei relação sexual com animais?

- Pequei contra a castidade com pensamentos e olhares maliciosos, desejos,

cobiça, loques, cinemas, revistas e filmes pornográficos, trajes, bailes,

piadas imorais?

- Pratiquei estupro?

- Procurei ocasiões de pecado?

- Incentivei a pornografia?

- Pratiquei a pedofilia (relação sexual com crianças)?

- Tive relações sexuais fora do casamento?

- Cometi adultério?

- Realizei namoro avançado?

- Desejei a mulher (o homem) do(a) próximo(a)?

- Tenho relações sexuais com minha esposa ou esposo de maneira

animalesca (anal, oral, com filmes pornográficos)?

- Pratiquei o incesto?

- Busquei métodos não naturais e ilegais para gerar filhos?


Não roubarás (Sétimo mandamento) / Não cobiçarás os bens alheios (Décimo Mandamento)

- De algum modo roubei?

- Roubei alguma coisa ou dinheiro? O quê, ou quanto?

- Descuidando ou não devolvendo propriedade alheia ou comum?

- Danifiquei a propriedade dos outros?

- Deixei estragar, por negligência, a propriedade dos outros?

- Aproveito-me do meu posto para benefício pessoal?

- Desejei os bens alheios?

- Fui invejoso?

- Fui avarento?

- Comi mais do que necessito?

- Fui orgulhoso?

- Fui negligente na guarda do dinheiro ou bens dos outros?

- Fiz trapaças ou defraudei alguém?

- Joguei em excesso?

- Recusei-me a pagar alguma dívida, ou descuidei-me no seu pagamento?

- Adquiri alguma coisa que sabia ter sido roubada?

- Deixei de restituir alguma coisa emprestada?

- Lesei o meu patrão, não trabalhando como se esperava de mim?

- Fui desonesto com o salário dos meus empregados?

- Recusei-me a ajudar alguém que precisasse urgentemente de ajuda, ou

descuidei-me a fazê-lo?

- Deixei de restituir o que roubei, ou obtive por embuste ou fraude?

(Pergunte ao sacerdote como poderá fazer a restituição, ou seja, devolver

ao legítimo dono o que lhe tirou.)

- Tive inveja de alguém, por ter algo que eu não tenho?

- Cobicei os bens de alguém?

- Tenho sido ambicioso e invejoso, dando demasiada importância aos bens e

confortos materiais? O meu coração inclina-se mais para as posses

terrenas ou para os verdadeiros tesouros do Céu?

- Desviei dinheiro público?

- Causei prejuízo a alguém?

- Explorei a outros no comprar ou vender?

- Foi desonesto no meu trabalho, enganei?

- Fiquei com coisas achadas sem procurar o dono?

- Planejei um furto?

- Não paguei minhas dividas mesmo tendo condições de pagá-las?

- Não fui fiel às leis trabalhistas.

- Não paguei os impostos.

- Tomei algo emprestado e não devolvi.

- Foi invejoso, ávido, cúpido (cobiçoso)?


Não levantarás falsos testemunhos nem mentirás (Oitavo Mandamento)

- Quem inspira minhas palavras: Deus ou meu ego?

- Quis dar minha opinião em tudo?

- Digo a verdade?

- Revelei segredos; julguei ou fiz fofocas?

- Queixei-me procurando comiseração ou desafogo?

- Pus minha atenção ao indevido?

- Falei o que não edifica: piadas grosseiras, que ferem a alguma raça, nacionalidade, etc.?

- Menti a respeito de alguém (calúnia)?

- As minhas mentiras causaram a alguém danos materiais ou espirituais?

- Fiz julgamentos temerários, a respeito de alguém (isto é, acreditei

firmemente, sem provas suficientes, que o próximo era culpado de algum

defeito moral ou crime)?

- Atingi o bom nome de alguém, revelando faltas autênticas, mas ocultas

(maledicência, difamação)?

- Fiz injúria ou contumélia, isto é, lesei injustamente a honra do próximo na

sua presença?

- Cometi detração, isto é, lesei injustamente a fama do próximo ausente?

- Revelei os pecados de outra pessoa?

- Fui culpado de fazer intrigas (isto é, de contar alguma coisa desfavorável

que alguém disse de outra pessoa, para criar inimizade entre eles)?

- Dei crédito ou apoio à divulgação de escândalos sobre o meu próximo?

- Jurei falso ou assinei documentos falsos?

- Sou crítico ou negativo sem necessidade, ou falto à caridade nas minhas

conversas?

- Lisonjeei outras pessoas, e, louvando-as fingidamente para obter assim

algum proveito?

- Fofoquei?

- Difamei?

- Falei mal dos outros?

- Fiz juízos falsos e temerários?

- Semeei discórdia?

- Provoquei inimizades?

- Violei segredos ou cartas alheias?

- Dei falso testemunho?

- Sou crítico e mexeriqueiro, gosto de ouvir falar mal dos outros?

- Pratiquei a maledicência?


Obras de Misericórdia

Corporais

- Dar de comer a quem tem fome.

- Dar de beber a quem tem sede.

- Vestir os nus.

- Visitar e resgatar os cativos.

- Dar pousada aos peregrinos.

- Visitar os doentes.

- Enterrar os mortos.

- Solidariedade com doentes/famintos/sedentos/presos/nus/forasteiros

- Enterrar os mortos.

- Vejo estes como irmãos pelos quais me entrego?


Espirituais

- Corrigir os que erram.

- Ensinar os ignorantes.

- Dar bom conselho.

- Consolar os tristes.

- Sofrer com paciência as fraquezas do próximo.

- Perdoar as injúrias por amor de Deus

- Rogar a Deus pelos vivos e pelos defuntos.

- Dar bom conselho/ corrigir/ perdoar (guardo algum ressentimento?)/ consolar/ sofrer com paciência as moléstias do próximo/ rezar pelos vivos e os mortos.

- Estou atento à dor alheia?

- Faço a acepção de pessoas segundo sua aparência?

- Vivo em simplicidade?

- Imito a Cristo que foi pobre?, sou livre de apegos materiais?

- Isto se reflete em minha atitude nas compras?

- Deixo-me levar por desejos?; quais?

- Coopero com as obras da Igreja com verdadeiro sacrifício e amor ou dou de minhas sobras?


Evangelização

- Sou testemunho?; Sou sal da terra e luz do mundo?

- Me esforço de todo coração para que Cristo seja conhecido e amado por todos?

- Estou em comunhão com o espírito missionário da Igreja?

- Levo a minhas amizades ao Senhor ou deixo que elas me arrastem ao mundo?

- Quando evangelizo, faço com segurança ou como se fosse uma opinião qualquer?

- Respondo ao Espírito ou me paralisa pensar no que dirão?

- Domínio das Emoções: Ressentimentos, caprichos, impulsos, medos.... Quais são minhas emoções mais salientes?; Submeto-as ao Senhor para as processar para o bem? De que forma estão afetando meu comportamento?

- Procuro primeiro meu interesse e comodidade ou servir com amor?


Exame de consciência com base nos pecados capitais e as virtudes contrárias

Soberba

- Fui humilde ao pensar?

- Comparei-me com outros?

- Tratei de chamar a atenção com minha sabedoria, meu físico, etc.?

- Reconheço-me pequeno?

- Desprezo os outros em meu coração?

- Me ressenti pelo trato ou posto recebido?

- Qual é a motivação de minhas aspirações?

- Distingo entre o que é doutrina e o que é minha opinião?

- Sou prudente ao dar minha opinião; acredito que é a única?

- Acredito que sem minha presença as coisas não vão bem?

- Sei distinguir o que é minha missão ou me intrometo no que não me corresponde?

- Reconheço que não tenho razão de me glorificar mas sim em Cristo?

- De que forma minhas ações estão misturadas com orgulho, vaidade, egoísmo?

- Reconheço meus enganos e peço perdão?

- Posso ajudar sem mandar?

- Desprezo os inferiores, os trato com desdém?

- Quero tudo dominar?


Avareza

-Estou apegado às coisas, sacrifico tempo, dinheiro, para servir segundo o plano de Deus?.

-Jogo com o dinheiro?

- Penso somente em ganhar dinheiro e acumular fortuna, sem nada gastar com os pobres, ou para fins de piedade e caridade?

- Nego esmola, quando posso dá-la?


Luxúria

- Procuro prazeres ilícitos que mancham a alma e roubam a inocência?


Ira

- Sei lidar com as cruzes, doenças, problemas com relações, trabalho, etc.?

- Perco a paz; manifesto mau humor quando as coisas não são como eu espero?

- Jogo a culpa nas circunstâncias?

- Fico facilmente com raiva? Perco a paciência? Deixo me levar pelo ímpeto da cólera?

Gula

- Como mais do necessário? Faço jejum?

- Estou viciado em álcool? Bebo ao ponto de ficar embriagado? Viciado em drogas, pílulas?

Inveja

- Sinto ciúmes por posições, talentos... outros grupos da Igreja? ou me alegro quando outros melhoram. Que casos posso pensar em que não me alegre?

- Não querer que outros estejam bem.

- Entristecer-se com o bem-estar do próximo.

- Empregar meios para impedir, diminuir, ou destruir a felicidade do próximo.

Preguiça

- Fui preguiçoso?

- Fiquei adormecido como os discípulos diante do que Jesus me pedia?

- Sou atento a cumprir meus deveres?

- O que faço para edificar minha família e grupo?

- Sou rápido em servir mesmo quando não tenho vontade?

- Descanso mas do que necessário?

- Deixo as coisas para mais tarde (procrastinação)?

- Perco o tempo em ociosidade?

- Não cumpro, por indolência, as obrigações do trabalho ou da religião?


*Virtudes contrárias aos pecados capitais

Soberba / Humildade

Avareza / Generosidade

Luxúria / Castidade

Ira / Paciência

Gula / Moderação

Inveja / Caridade

Preguiça / Diligência


Bem-aventuranças (Mateus 5, 1-2)

- Fui pobre de espírito, livre de apegos?

- Fui manso, paciente, edificando com os meios Santos?

- Chorei diante dos pecados que ofendem a Deus?

- Tive fome e sede de justiça?

- Fui misericordioso?

- Fui limpo de coração, puro de pensamento?

- Trabalho pela paz, em minha pessoa, lar, grupo, mundo?

- Sofro com alegria ao ser perseguido por causa da justiça (como reajo diante das criticas "injustas" ou incompreensões?


Pecados contra os mandamentos da Igreja

- Fiquei mais de um ano sem confessar meus pecados?

- Não fiz a comunhão pascal (os que não podem comungar devem fazer a comunhão espiritual)?

- Não guardei jejum e abstinência na quarta-feira de Cinzas, na sexta-feira Santa, na vigília da Assunção?

- Não guardei abstinência de carne, sem jejum, em todas as sextas-feiras da Quaresma e do ano?

- Não comutei a obrigação em obras de caridade ou outra forma de abstinência?

- Participei das Missas inteiras aos domingos e dias Santos da guarda?

- Paguei o dizimo conforme o costume?


Nove maneiras de ser cúmplice do pecado de outrem

A. Alguma vez fiz deliberadamente com que outros pecassem?

B. Alguma vez cooperei nos pecados de outrem?

- Aconselhando?

- Mandando?

- Consentindo?

- Provocando?

- Lisonjeando?

- Ocultando?

- Compartilhando?

- Silenciando?

- Defendendo o mal feito?


Os quatro pecados que bradam aos Céus

- Homicídio voluntário

- O pecado de sodomia ou lesbianismo

- Opressão dos pobres, órfãos e viúvas

- Não pagar o salário justo a quem trabalha.


Blasfêmias contra o Imaculado Coração de Maria

- Blasfemei contra a Imaculada Conceição?

- Blasfemei contra a Virgindade Perpétua de Nossa Senhora?

- Blasfemei contra a Maternidade Divina de Nossa Senhora?

- Deixei de reconhecer a Nossa Senhora como Mãe de todos os homens?

- Tentei publicamente semear nos corações das crianças indiferença ou

desprezo, ou mesmo ódio, em relação à sua Mãe Imaculada?

- Ultrajei-A diretamente nas Suas santas imagens?


Veja mais:

Ato de Contrição

Os 10 Mandamentos

Os 7 Pecados Capitais

Os 5 Mandamentos da Igreja

As Obras de Misericórdia